Desde que eu comecei o projeto #365diasdebrechó muita gente sempre me pergunta como eu consigo achar tanta coisa boa, bonita e barata nos brechós/bazares que frequento, por isso hoje vou contar para vocês 10 dicas para comprar em brechó. E eu fico sempre um pouco sem saber como responder, já que pra mim é uma coisa muita automática, bato o olho, penso no potencial e já era, levo pra casa. 10 dicas para comprar em brechó

Mas claro que nesse percurso analiso várias outros fatores que pra mim são importantes na hora de fazer a compra. A intenção é descrever um pouco a minha forma de garimpar, para assim responder a todas as perguntas e ajudar quem ta afim de se iniciar nessa vida de garimpo em brechós. 10 dicas para comprar em brechó

10 dicas para comprar em brechó

10 dicas para comprar em brechó

1° ESTAMPAS
Olha pode parecer bobagem, mas a primeira coisa que me chama a atenção em um brechó são as estampas, por que normalmente uma estampa bacana já salva qualquer roupa. Depois vou olhando as peças lisas, por que como chamam menos atenção as pessoas olham menos, e fazem menos questão de leva-las pra casa, por serem peças normalmente mais simples e básicas.

2° É TUDO MEU!
Uma coisa que aprendi em brechó é o seguinte: PEGUE tudo que achar que tenha potencial, DEPOIS faça uma triagem. É isso mesmo, achou que pode ser razoavelmente interessante aquela peça, pegue e segure ela, se não vem outra pessoa e leva. Depois, quando acabar de olhar o brechó todo ai você para pra olhar as peças de verdade.

10 dicas para comprar em brechó

3° OLHOS ATENTOS
A hora da triagem é bem importante. É nessa hora que você vai analisar coisas como tamanho, qualidade, modelagem, potencial, se combina com o seu estilo, se o preço vale a pena, se tem defeitos, se tem um zíper quebrado, enfim, essas coisas. Faça isso em um cantinho, com calma, sem que ninguém te atrapalhe para que você possa pensar bem e analisar bem as peças.

4° EXPERIMENTE!
Fez a triagem!? Agora EXPERIMENTE a roupa/sapato veja se cabe em você, pois muitas modelagens são enganadoras, então sempre que possível vá ao provador e vista tudo, pois assim você só vai levar pra casa o que realmente lhe serve e vale a pena. E ó, nada de levar muitas peças por que estão baratas pra ficar esperando emagrecer, entendeu?

5° O FAMOSO POTENCIAL
Eu sempre falo isso, mas acho que poucas pessoas levam a sério. Mas gente, é verdade! Em qualquer compra, você deve analisar o potencial da peça que esta comprando. E em brechó isso tem que ser mais analisado ainda! Não se preocupe se as peças que escolheu não combinam entre si, se preocupe em pensar se a peça que esta escolhendo combina com o que você já tem em casa. Não vale a pena levar algo que você não consiga combinar com nada depois, ou que nem seja muito o seu estilo, se não vai ser só mais uma roupa acumulada no fundo do armário.

10 dicas para comprar em brechó

6° OLHE DE NOVO
Depois que você fez todos os passos acima e escolheu suas peças é hora de olhar de novo. SIM! Ai você vai estar mais calma, já vai ter escolhida algumas peças, então pode ser que nessa segunda olhada você encontre algo que não viu da primeira vez, ou que uma outra pessoa desistiu de levar. Com menos euforia, e pressa a gente consegue enxergar melhor.

7° AJUSTES
Algumas peças as vezes precisam de pequenos ajustes para serem perfeitas. Se eu sei que consigo fazer aquele ajuste, ou tenho alguém que possa faze-lo pra mim, e o valor da peça ta muito baixo, eu levo a peça pra casa. Mas falo de ajustes simples, tipo, uma bainha, encurtar um short, dar um pontinho por que ta descosturado, ou cortar a calça e fazer um short, etc. Dependendo de peça e do preço fazer ajustes vale a pena!

IMG_2303

8° ACESSÓRIOS/SAPATOS/OBJETOS DE DECOR
Eu sempre, eu disse SEMPRE, olho os acessórios! Dá pra achar coisas lindas, vintage, de vovó mesmo em brechós e bazares, então vale a pena dar um olhada atenta a eles. Sapato é um pouco mais difícil de garimpar por conta do tamanho. Mas se você achar um modelo legal, em boas condições e que te sirva, não pense duas vezes, e leve ele com você! Olha sempre dou uma olhada nessa seção de objetos de decor, pois as vezes com um pouquinho de criatividade se tornam super uteis em casa, isso quando não acho objetos vintage, que são mais legais ainda!

9° LEVE DINHEIRO VIVO!
A maioria dos brechós/bazares trabalham apenas com DINHEIRO vivo, cash, money, bufunfa, din din, nada de cartão de credito, entendeu!? E o meu conselho é, sempre leve uma quantia boa, pois nunca se sabe o que você vai achar no seus garimpo, ok!?

10° LAVE AS ROUPAS
Chegou em casa, lave tudo! Seja sapato ou roupa. Pois mesmo em boas condições aquela peça foi usada por outra pessoa então higieniza-la antes de usar é fundamental. Sem contar que as vezes as roupas realmente ficam com um cheirinho de guardadas, então um confort vai fazer muito bem a elas! Acho que essa dica é meio boba, mas achei que fazer 10 dicas ia ser mais bacana! hahaha

Essa lista é realmente um passo a passo da minha forma de garimpar nos brechós. Claro que por ai vocês vão encontrar outras listas e tal, mas essa é a que da certo pra mim, é assim que consigo sempre achar roupas legais. E olha isso serve para compras em lojas também, acho que eu meio que desenvolvi um padrão de comportamento em relação a compras. E pra mim ele da super certo!

Espero que tenham gostado das dicas e que elas também ajudem vocês a garimpar melhor por aí.

Beijo,

Ana

10 dicas para comprar em brechó 10 dicas para comprar em brechó 10 dicas para comprar em brechó 10 dicas para comprar em brechó 10 dicas para comprar em brechó 10 dicas para comprar em brechó