A seção “IDEIAS” aqui na Garimpo tem como objetivo destacar e levar cada vez mais longe boas ideias que estão espalhadas pelo mundo. A ideia de hoje que merece esse espaço e que mais pessoas saibam que ela existe é o projeto Batata Doce, que foi criado a partir de um trabalho de pós graduação de estudantes do  Instituto Mauá de Tecnologia, em São Paulo (SP).

O projeto é colaborativo, e propõe uma forma de conectar o consumidor das grandes cidades que quer se alimentar com produtos orgânicos ao agricultor urbano. Para isso foi criada uma plataforma digital onde os agricultores podem ser mapeados, facilitando assim, que o consumidor possa encontra-lo e obtenha produtos orgânicos frescos.

Screen-Shot-2015-11-16-at-2.05.51-PMScreen-Shot-2015-11-16-at-1.36.14-PM

“Um projeto escalável e colaborativo que fomenta a construção de redes criativas, alimentares e pertencimento social, torna-se muito mais do que consumir alimentos naturais, é o fomento de uma economia local e pertencimento social com impactos extremamente positivos”, explicam os idealizadores.

Screen-Shot-2015-11-16-at-1.36.08-PM

A intenção do projeto é “valorizar a agricultura urbana, resgatar o hábitos da alimentação saudável e fomentar a economia local desses pequenos agricultores que ainda se preocupam com a plantação de alimentos naturais.”

Para potencializar a ideia do projeto e ajudar os agricultores a prestarem um melhor serviço ao consumidor os fundadores perceberam que podiam fazer mais. Para diminuir o impacto ambiental eles trocaram as sacolas plásticas por ecobags exclusivas que levam o logo do projeto e também toda a boa intenção do projeto incentivando uma alimentação saudável.

Nesse vídeo você pode entender um pouco melhor o Batata Doce, da o play!

Ah e você também pode participar, seja para cadastrar um agricultor ou para se conectar a um deles, para isso basta acessar a plataforma clicando aqui.